EXPRESSÃO IDIOMÁTICA: TO TAKE FOR GRANTED

Hello guys!
O post de hoje é dedicado a uma expressão comumente usada, mas às vezes difícil de ser traduzida ou interpretada. Take for Granted tem diversos usos, como por exemplo, não dar (o devido) valor a ou achar normal, natural.

Na canção Take a Bow (http://letras.terra.com.br/madonna/63189/), Madonna canta os seguintes versos no refrão:

I’ve always been in love with you [always with you]
Sempre fui apaixonada por você [sempre por você]
I guess you’ve always known it’s true [you know it’s true]
Acho que você sempre soube que é verdade [você sabe que é verdade]
You took my love for granted, why oh why
Você não deu valor ao meu amor, por que oh por que?
The show is over, say good-bye
O show acabou, diga adeus

O site Tecla Sap (www.teclasap.com.br) publicou esses excelentes exemplos e explicações que compartilho com vocês.

Read, learn and add this useful expression to your vocabulary.
Enjoy!

1. pressupor, assumir, presumir, supor; contar com; dar como certo, garantido, líquido e certo, fato consumado, favas contadas, ponto pacífico Cf. EXPECT

  • Parents should not take for granted that their child’s holiday camp is 100% safe.
  • Os pais não devem presumir, assumir, supor que o acampamento de férias seja 100% seguro.
  • He may win the election, but don’t take it for granted.
  • Talvez ele ganhe a eleição, mas não conte com isso, não pense que é líquido e certo, ponto pacífico, favas contadas.
  • We can’t take democracy for granted.
  • Não podemos assumir que a democracia esteja garantida, seja um fato consumado.

2. achar normal, natural, óbvio; aceitar sem discutir; nem pensar, nem perceber, nem prestar atenção; assumir, considerar, ver com a maior naturalidade, como algo comum, automático, implícito, que faz parte da vida, do dia-a-dia, que passa batido, despercebido;

  • These spoiled kids take all their comforts and privileges for granted.
  • Essas crianças mimadas acham que todos os seus confortos e privilégios são a coisa mais normal, natural do mundo.
  • Coeducation is now taken for granted. We don’t think twice about it.
  • Hoje em dia a educação conjunta de ambos os sexos é coisa que nem se discute, que todos acham natural, óbvio. Ninguém nem pensa mais nisso.
  • We use electricity everyday in so many ways that we just take it for granted.
  • Usamos a eletricidade todos os dias de tantas maneiras que nem prestamos atenção, nem pensamos mais nisso.
  • Traveling makes you appreciate more some values and conveniences which we often take for granted in our daily lives.
  • Viajando a gente passa a prezar mais certos valores e comodidades que, na nossa vida diária, passam batidos, nós nem percebemos, deixamos passar despercebidos.
  • Bad things are much talked about, while good things are often taken for granted.
  • O que é ruim é muito comentado; o que é bom passa batido.

Outras sugestões:

  • In 1964 computer engineer Douglas Engelbart demonstrated many visionary concepts we now take for granted, such as the mouse and hypertext linking.
  • Em 1964 o engenheiro de computação D.E. demonstrou muitos conceitos visionários que hoje já se tornaram lugar comum, fazem parte do nosso dia-a-dia, a que já estamos totalmente acostumados, como o mouse e o hipertexto.
  • (I-Ching – Hexagram 10) “The small treads upon the large and strong. The fact that the strong treads on the weak is not mentioned in the Book of Changes, because it is taken for granted.
  • (I-Ching – Hexagram 10) “O fraco pisa em cima do forte. O fato de que o forte pisa no fraco não é mencionado no Livro das Mutações, pois é algo óbvio, evidente, que não se discute.”

3. não dar valor, o devido valor; não prezar, não ter estima, apreço; não reconhecer (os esforços, a presença); não dar importância, a devida importância; ≠ APPRECIATE

  • I’m grateful for all I have; I don’t take any of my comforts for granted.
  • Sou grata por tudo que tenho; eu prezo, dou valor a todas as coisas boas da minha vida.
  • My husband takes me for granted. He pays me as much attention as he does the wallpaper.
  • Meu marido não me dá nenhum valor, nenhuma importância, não reconhece, acha normal tudo que eu faço por ele. Para ele, é como se eu fosse o papel de parede.

Referência: “Vocabulando” de Isa Mara Lando – Disal Editora, 2006.

Compre o livro aqui: http://www.disal.com.br/detalhes/index.asp?A1=186529527936953492542&A2=C&codigo=148222.1&Tipo_Loja=

Elis
“Carpe Diem”

Uma resposta

  1. Oi, Elisangela!

    Nossa, muito bom o seu blog! Adorei!!! Parabéns!

    Beijinhos

    Fernanda
    http://www.sorvetedemorango.com.br

Deixe aqui seu comentário, dica ou sugestão

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: